O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Donizete nega agressão e também chama Gabriel Jesus de "moleque" "Naquele tumulto ali também levei uma mãozada. Nem sei se pegou a minha mão nele, acho que não pegou não", diz volante, sobre troca de empurrões durante jogo

Por Belo Horizonte
empate entre Atlético-MG e Palmeiras, que começou tumultuado em campo e foi bastante pegado, terminou com declarações fortes do atacante Gabriel Jesus, que se envolveu em uma confusão com o volante Leandro Donizete antes dos cinco minutos de partida. Os dois trocaram empurrões e só não chegaram as vias de fato por conta dos companheiros que trataram de separar os jogadores 
Na saída de campo, o General do Galo tratou de responder às declarações de Gabriel Jesus, que o chamou de "cusão e moleque" . Donizete esclareceu que durante o jogo, quando o clima esquenta, sobra uma mão ou outra, mas garante que nunca machucou ninguém na carreira e que os xingamentos foram dos dois lados.
- Quem tem boca fala o que quer. Acho que ali dentro a gente tá nervoso, um empurra o outro, acaba acontecendo uma mãozada. Naquele tumulto ali também levei uma mãozada. Nem sei se pegou a minha mão nele, acho que não pegou não. Eu conheço bem o Cuca: eles vieram toda hora me xingando, toda bola que eu ia, a mão já vinha no meu rosto. Então é difícil segurar ali. Mas não fui desleal em momento algum com ele. Me xingou, eu xinguei ele também. E se ninguém gosta de mim, problema deles. Num tô aqui pra ninguém gostar de mim não, tô aqui pra fazer o meu trabalho bem feito, igual eu venho trabalhando. Jogo bola há 15 anos, nunca machuquei ninguém. Estou feliz pelo futebol, não vou mudar o jeito de jogar. Isso é jogo de Libertadores. Libertadores acontece isso e ninguém fala nada - disse o volante em entrevista para a ESPN.
Atlético-MG x Palmeiras Gabriel Jesus (Foto: Cristiane Mattos/Futura Press)Confusão durante o jogo Atlético-MG x Palmeiras no Independência (Foto: Cristiane Mattos/Futura Press)
Sobre as reclamações do palmeirense, Donizete não concordou e questionou como Gabriel Jesus fará quando se transferir para o Manchester City, fato que acontecerá após o Campeonato Brasileiro 2016.
- Eu quero ver quando ele for pra Inglaterra, quero ver se ele vai reclamar pra imprensa se alguém chegar mais firme nele. Toda hora vinha me xingando bem, e falava eu jogava onde. E eu: “O que?” É um moleque, eu sou bem homem. E falo na frente dele. O que aconteceu ali fica ali. 
Em campo, Atlético-MG e Palmeiras fizeram um jogo bastante movimentado e cheio de alternativas. Gabriel Jesus colocou o time paulista em vantagem, mas Lucas Pratto empatou. O resultado tirou as chances de título do Galo, que agora foca na Copa do Brasil, onde está na decisão contra o Grêmio.
Postar um comentário