O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Everton fecha ano em alta no Grêmio e projeta protagonismo maior em 2017 Atacante elege gol mais importante entre os oito marcados em jogos oficiais, bate meta imposta por ele e comenta sobre busca por atacante: "Precisamos de elenco"

Por Porto Alegre
Everton Grêmio (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)Everton mira protagonismo e tri da América em 2017 (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)
Enquanto o Grêmio vasculha o mercado e busca informações para contratar o que chama de "fazedor de gol", um jogador aproveita as férias, descansa e recarrega as energias pensando em um maior protagonismo em 2017. Após ver companheiros egressos da base como artilheiros, sonha com o mesmo. Já bateu a meta colocada para a temporada: aumentar o número de gols. Também teve o gostinho de conquistar o primeiro título, sendo fundamental na conquista. O próximo objetivo de Everton esta traçado: o tri da América. 
De férias em uma praia no Ceará, onde atendeu a ligação do GloboEsporte.com, o atacante passará o Reveillon com família e amigos. Balançou as redes oito vezes em 2016 - além de um gol no amistoso com o Danubio, no início do ano. Sua intenção era marcar mais do que na temporada de 2015, quando fez cinco. O próximo passo é abraçar o maior protagonismo em 2017, inclusive com uma possível saída de Luan, principal alvo de clubes europeus. 
- Junto com o grupo, fazer um bom ano novamente, se Deus quiser terminar o ano com título. Temos Libertadores, Brasileiro, Copa do Brasil... A gente espera em alguma sair campeão. A Libertadores sem dúvida seria o mais importante. Vamos em busca, todo o grupo, do tri da América. Não deu em 2016, mas vamos buscar em 2017 - disse Everton. 
Um dos melhores finalizadores do Grêmio - no final do ano, era quem tinha a melhor média de chutes corretos -, Everton elegeu o gol contra o Palmeiras, nas quartas de final da Copa do Brasil, como o mais importante da temporada na qual atuou 48 vezes. E trabalhará para repetir a dose. Abaixo, confira alguns tópicos da entrevista do jogador ao GloboEsporte.com:
Balanço de 2016
"Foi uma temporada muito boa, tanto no lado coletivo quanto no individual. Atingi algumas metas que tinha imposto para mim e no coletivo fechei o ano com um titulo tão importante. Tinha objetivo de fazer mais gols que o ano passado, na reta final eu acabei tendo uma boa proporção de gols. Esse ano bati em nove gols e ano passado foram apenas cinco." 
Gol mais importante
"Sem dúvida o contra o Palmeiras (veja acima). Foi o gol mais importante porque classificou a gente para a semifinal, não fosse aquele com meus companheiros, a gente não teria conquistado o título. Acho que a importância daquele gol foi tão grande quanto o terceiro da final."
Objetivos em 2017
"Junto com o grupo, fazer um bom ano novamente, se Deus quiser terminar o ano com título. Temos Libertadores, Brasileiro, Copa do Brasil, a gente espera em alguma sair campeão. A Libertadores sem dúvida seria o mais importante. Vamos em busca, todo o grupo, do tri da América. Não deu ano passado, mas vamos buscar neste ano."
Sabemos da dificuldade do Brasileiro, precisamos de elenco. Esse ano sofremos com falta de um elenco grande. Estávamos jogando duas competições e acabou atrapalhando, cansaço de todo o grupo.  

"Aceita que dói menos" e protagonismo
"Claro, depois da frase dele (Roger), pude absorver bem. Ligou o alerta, um pouco mais de experiência e rodagem. Vou para o meu quarto Brasileiro, já dá para assumir a responsabilidade mais a partir de agora."
Nova posição se Luan sair
"Eu venho acompanhando as notícias de esporte no mercado. Não teria problema mudar de posição, sou acostumado jogar mais adiantado. Fica mais perto do gol e em relação a marcação, não recua tanto. Poderia ajudar também (a fazer mais gols), quem sabe."
Fazedor de gol
"Quem o Grêmio contratar, chega para ajudar na temporada. Se não me engano, temos cinco competições e em todas vamos forte, precisamos de elenco, ajuda bastante. Sabemos da dificuldade do Brasileiro. Esse ano sofremos com falta de um elenco grande. Estávamos jogando duas competições e acabou atrapalhando, cansaço de todo o grupo."
Everton Grêmio x Atlético-MG (Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio)Everton foi titular na final da Copa do Brasil (Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio)
Postar um comentário