O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

sábado, 31 de dezembro de 2016

Garbrandt dá show, vence Dominick Cruz e é o novo campeão peso-galo Atleta da Alpha Male mostrou boxe afiado, contra-golpes precisos e defesa eficientes para derrotar "The Dominator" por decisão no co-evento principal do UFC 207

Por Las Vegas, EUA

Temos um novo campeão na categoria dos galos. Com uma atuação dominante, esbanjando técnica na luta em pé e muita confiança, Cody Garbrandt derrotou Dominick Cruz por decisão unânime (48-46, 48-47, 48-46) no co-evento principal do UFC 207. Garbrandt apresentou muito preparo para se defender aos ataques de Cruz, sempre punindo-o com precisão nos contragolpes, e somou três knockdowns durante o confronto. Após a luta, Cody dedicou a vitória ao pequeno Maddux, menino que venceu o câncer e serviu de inspiração para o atleta do Team Alpha Male.
- É incrível. Sonhei com isso, visualizei isso. Queria agradecer a todo mundo que estava comigo desde o início do processo. Especialmente para esse rapaz aqui. Ele lutou contra a leucemia e redirecionou a minha vida - disse o novo campeão, antes de entregar seu cinturão ao menino.
Cody Garbrandt x Dominick Cruz UFC 207 (Foto: Getty Images)Garbrandt mostrou confiança e boxe afiado para vencer Cruz e se tornar novo campeão peso-galo (Foto: Getty Images)












Com o resultado, o novo campeão Cody Garbrandt chega a 11 vitórias em seu cartel invicto. Dominick Cruz amargou seu segundo revés na carreira, e agora soma 22 triunfos e duas derrotas. O resultado interrompeu uma sequência impressionante por parte do ex-campeão, que não perdia desde 2008.
A LUTA

O primeiro round começou eletrizante, com os dois partindo para a trocação, sempre demonstrando muita técnica. Garbrandt era quem mais conectava - o desafiante fazia bom trabalho ao aplicar longas combinações, sempre angulando para evitar contra-golpes na saída. Cruz subiu de produção ao fim do assalto, conseguindo conectar bela sequência, mas foi surpreendido logo em seguida por uma queda de Cody.
No segundo round, Cruz veio com estratégia diferente, e passou a andar mais para frente. A mudança deu certo, e, aproveitando uma brecha após um contra-ataque falho de Garbrandt, conseguiu um knockdown. Garbrandt se levantou rapidamente, e, a partir daí, cresceu no combate. O desafiante conseguiu aplicar dois belos diretos que entraram limpos no queixo de Cruz. Perto do fim do assalto, Cruz conseguiu aplicar uma queda e, enquanto o oponente levantava, aproveitou para conectar um belo cruzado.
Garbrandt conseguiu aplicar três knockdowns em Dominick Cruz durante a luta e debochou do ex-campeão após derrubá-lo em todas as vezes (Foto: Getty Images)Garbrandt conseguiu aplicar três knockdowns em Cruz na luta e debochou do ex-campeão após derrubá-lo  (Getty Images)
Logo no início do terceiro round, Garbrandt acertou um pesadíssimo cruzado que fez o campeão balançar, além de abrir-lhe o supercílio. O desafiante ganhou confiança e passou a provocar de forma acintosa o campeão, ao passo que continuava a punir Cruz nas trocas em curta distância. Com um boxe afiado, Cody conseguiu um knockdown em Cruz, que parecia cada vez mais perdido na luta. 
Garbrandt mostrou muita confiança durante o duelo e não se intimidou nem um pouco por Cruz (Foto: Getty Images)Garbrandt mostrou muita confiança durante o duelo e não se intimidou por Cruz (Foto: Getty Images)
Cruz voltou para o quarto round com mais confiança, e atingiu Gabrandt com alguns bons golpes, até entrar numa troca franca e levar outro knockdown do desafiante. Desta vez, o campeão ficou no chão por alguns instantes, e pareceu ter desligado e ligado em questão de milésimos de segundos. A confiança de Cody, a partir daí, aumentou e o lutador passou a fazer com Cruz o que o campeão costuma fazer aos oponentes:andar para trás e atingi-lo no contra-ataque. Gabrandt acertou Dominick com outros dois bons cruzados até o fim do assalto que o levaram novamente ao chão - em ambas as vezes, debochando do adversário enquanto ele estava caído.

Precisando de uma vitória no round final, Cruz voltou determinado, mas receoso de ser atingido pelos contra-ataques de Garbrandt, afiados desde o segundo inicial da peleja. Cody continuou com as zombaria para cima do campeão, e chegou a pagar uma flexão durante o combate. Durante o último minuto da luta, o desafiante segurou o campeão no clinche para não correr riscos, e ainda mostrou a língua para Dominick nos segundos finais.
Postar um comentário