O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Menos de 24h após saída de Lancuna, Picos anuncia técnico Paulo Moroni Diretoria do Zangão contorna crise no comando do time e confirma negócio rápido com substituto. Último clube do treinador gaúcho foi o Campinense, da Paraíba

Por Teresina
Paulo Moroni, técnico do Campinese (Foto: Silas Batista / GloboEsporte.com)Paulo Moroni é anunciado pelo Picos após saída de Nivaldo Lancuna. Estreia será diante do 4 de Julho (Foto: Silas Batista)
O susto após o pedido de desligamento do técnico Nivaldo Lancuna foi atenuado com a confirmação imediata do acerto com um substituto para o treinador. Paulo Ricardo Moroni foi anunciado, nesta segunda, como novo comandante do Zangão para a sequência do Campeonato Piauiense. O treinador gaúcho de 55 anos deve comandar o clube da Cidade do Mel no duelo com o 4 de Julho, no sábado, no estádio Helvídio Nunes. O compromisso de estreia de Moroni fechará a quinta rodada do primeiro turno do estadual.
- Nós sabemos que Moroni conhece o futebol piauiense. Ele já foi campeão várias vezes, tem um ótimo currículo, experiente e sabe os caminhos do futebol. Entrei em contato com ele ontem à noite e encaminhamos. Ele estava trabalhando com categorias de base, lá no Sul, e abriu mão para ser treinador do Picos – revelou o presidente do Zangão, Rodrigo Lima.
O anúncio do gaúcho Ricardo Moroni como técnico do Picos supre, em menos de 24h, a carência criada no cargo após o pedido de demissão de Nivaldo Lancuna, na noite de domingo, após a derrota por 1 a 0 para o Altos, em Teresina. Depois de ter dois jogadores expulsos (Fred e Raphael Freitas), Lancuna deixou o gramado do estádio Lindolfo Monteiro irritado com o saldo final do clássico na capital.
Lancuna, Picos  (Foto: Wenner Tito )Lancuna se irrita no clássico com Altos e pede demissão no Picos (Foto: Wenner Tito )
Depois de encaminhado o vínculo com o Picos, Paulo Moroni deve desembarcar na noite de terça, na cidade-sede do clube, a 350km de Teresina. A diretoria não revelou detalhes sobre exigências feitas pelo treinador gaúcho, mas garantiu manter o atual elenco.
- Vamos continuar com a mesma equipe. Temos um elenco forte. Quando os resultados não acontecem, é natural algumas mudanças. Vamos trabalhar com Moroni e render alegrias ao torcedor, que merece – enfatizou o dirigente em contato com a reportagem.
Fora da zona de classificação à semifinal, o Picos tem quatro pontos em quatro jogos disputados no estadual. O Zangão é sexto colocado na tabela e está à frente apenas do Piauí, lanterna sem um ponto sequer.
Postar um comentário